“O universal é o local sem paredes.” (Miguel Torga) "Escrever é um ato de liberdade." (Antônio Callado) "Embora nem todo filho da puta seja censor,todo censor é filho da puta." (Julio Saraiva)

domingo, 4 de abril de 2010

A AVE

arisca
a ave arrisca
o voo

de seu
nada deve a ave
ao céu

de si
nada deve a ave
a deus

a ave voa
voa voa e vai

do céu
a ave avista
o mar

do céu
a ave acena ao mar
o mar não tem asas

a ave
sabe inventos
para provocar os ventos

na intimidade
com as alturas a ave
beija o ar

a ave voa
voa voa e vai

se brinca de ultraleve
a ave quando cai
cai em queda livre

a ave sobressai
a ave sobrevoa
a ave sobrevive

______________
Júlio Saraiva,
São Paulo, Brasil
_____________

2 comentários:

  1. "a ave sobressai
    a ave sobrevoa
    a ave sobrevive"

    comemorando sua liberdade de ir e vir :)

    ResponderExcluir

Compartilhe o Currupião